Banda Marcial do Colégio Nossa Senhora das Dores

a
 
 

Na inauguração do Estádio Beira-Rio, nos desfiles estudantis, festas cívicas ... eles estavam lá. Naquela época, anos 60, a Banda das Dores  era show.

A gurizada da banda tinha orgulho, eram invejados pelos outros colégios ... até o Rosário (onde eu toquei) ficou para trás.

A Rainha Zélia Zelina chamava atenção por sua beleza jovial. Seus uniformes eram impecáveis, assim como suas posturas. Meninos, quase homens.

Bons tempos, muito bons.

Emocionante rever as fotos da Banda Marcial Dorense. Quem viveu a época de ouro das Bandas Marciais sabe o que representou, tanto em Porto Alegre como em todo o Rio Grande do Sul, também em outros estados e países vizinhos.

 

Acima, foto cedida pelo meu amigo Franklim Moraes - o Foguinho -  grande amigo, que também tocou na Banda das Dores .
 esquerda, na foto, meu irmão, Guido Sauer ... que nos deixa saudades.
 

 À direita, Foto “usurpada” do http://doresanos70.blogspot.com.br/
2007/09/banda-marcial-das-dores.html